Garotas fãs de Cristo: Livro: Desenvolvendo um Estilo de Vida Sobrenatural – Kris Vallotton

Livro: Desenvolvendo um Estilo de Vida Sobrenatural – Kris Vallotton


Não tem nada melhor do que ter boas referências de um livro, não é mesmo? É por causa disso que tenho ultimamente feito resenhas de livros que li e gostei, pois dessa forma recomendo a todos vocês, leituras que certamente valerão à pena. Desta vez, o livro é o “Desenvolvendo um Estilo de Vida Sobrenatural” do autor Kris Vallotton. Lembram dele? Já fiz aqui no blog uma resenha de outro livro dele chamado “Revolução Moral”. O livro que apresentarei aqui hoje para vocês ganhei de cortesia pela BV Books. Venham comigo!


Páginas: 255
Editora: BV Books
Ano: 2015
Onde comprar: BV Loja | Saraiva | Americanas


Sinopse:

Arme-se com os DONS sobrenaturais de Deus.

Você jamais se sentirá chateado, impotente, ou oprimido pelo mundo ao seu redor – viver sobrenaturalmente é um dom eterno de Deus. Neste livro poderoso, Kris Vallotton abre as portas do arsenal de Deus e equipa o Corpo de Cristo com armas sobrenaturais de guerra que destruirão as obras das trevas e impulsionarão você para o seu destino divino.

Desenvolvendo um Estilo de Vida Sobrenatural ensinará você a desenvolver, de modo pró-ativo, os dons do Espírito na sua vida, e mostrará a você como ter uma cosmovisão do Reino que proporcionará uma perspectiva eterna.

Cuidado: Este livro não poderá ser lido de forma descomprometida. Ele transformará a sua vida e lançará você em uma nova e tremenda aventura.

Resenha:

O livro “Desenvolvendo Um Estilo de Vida Sobrenatural” traz uma linguagem de fácil compreensão tanto para os novos na fé quanto para os que já são cristãos há muito tempo. O seu enfoque principal está nos dons sobrenaturais de Deus, ou seja, nas duas divisões das três que existem para os dons citados em Romanos 12: dons de revelação (palavra do conhecimento, palavra da sabedoria, discernimento de espíritos) e dons de poder (dons de curas, operação de milagres, fé).

Este é um guia para quem quer entender sobre o que realmente são esses dons e como utilizá-los corretamente no Reino. Você irá se surpreender com a forma que o livro transformará a sua vida por completo; e ainda mais, irá fazer com que através da sua vida o Senhor opere na vida de outras pessoas que precisam urgentemente de um encontro com Ele.



Minha Opinião:

Extraordinário – acho que essa seria a palavra certa para descrevê-lo. Hoje eu consigo entender como os dons funcionam no Reino de Deus, e também corrigir minhas próprias falhas no uso dos mesmos. Esse livro me equipou espiritualmente para uma guerra travada nas regiões celestiais. Ou você acha que para resgatar uma vida para Cristo é completamente fácil?! Por isso eu recomendo esse livro para todas vocês.

Como eu sou completamente sincera, eu preciso apresentar a todos às minhas considerações sobre esse livro. E tenho algumas discordâncias com autor nos seguintes pontos:

  • “Jesus não queria morrer; Ele queria fazer a vontade do Pai.” (página 22). O autor declara esta frase citando a passagem de Lucas 22.42; mas, na verdade, o que o versículo quer dizer é que quando Cristo disse para passar dele o cálice, era pedindo a Deus para que retirasse aquela aflição e distanciamento dEle. Pois Jesus levou sobre si os nossos pecados, e por isso, a ira de Deus estava sobre Ele. O pecado distancia o ser humano de Deus: Isaías 59.1,2.


  • “O derramamento mais recente, em Toronto, foi, na verdade, um avivamento que começou como uma revelação da bondade do Pai.” (página 120). O “avivamento de Toronto” não veio do coração de Deus e sim do espírito humano – da “carne”. O ex-pastor do suposto avivamento já declarou algum tempo atrás denunciando a farsa e o que realmente aconteceu por trás de todos os acontecimentos, se arrependendo perante a todos. Esta notícia está na postagem do blog do pastor Ciro Sanches Zibordi: “Bênção ou maldição de Toronto?”.


  • “Porém, Samuel, de modo excepcional, acabou vindo mesmo falar com Saul.” (página 122). Uma das passagens bíblicas mais complexas de entender se encontra em 1 Samuel 28.7-25; que dividem opiniões de vários teólogos até hoje. Minha posição sobre o assunto é que Samuel não veio dos mortos para falar com Saul por meio daquela feiticeira, além de ser algo que a Bíblia condena, é incoerente que uma vez que Saul não foi respondido por Deus antes (na forma correta), seria agora respondido por Deus (na forma errada). “Assim morreu Saul por causa da transgressão que cometeu contra o Senhor, por causa da palavra do Senhor, a qual não havia guardado; e também porque buscou a adivinhadora para a consultar. E não buscou ao Senhor, que por isso o matou, e transferiu o reino a Davi, filho de Jessé.” (1 Crônicas 10.13,14). Quando eu tiver uma oportunidade estarei expondo melhor sobre essa passagem e retirando as dúvidas.


  • “Existe o segundo céu, que o diabo e os seus demônios, controlam.” (página 240). Teologicamente falando, discordo com a declaração dada. Realmente existem três céus, e o autor fala sobre eles, mas comete um equívoco ao discorrer sobre o segundo céu. O primeiro céu é aquele que vemos quando olhamos para o alto (o céu azul com nuvens). O segundo céu é o universo. O terceiro céu é a habitação de Deus.


“Com essas objeções, será mesmo que eu devo adquirir o livro, Abilene?” É óbvio que sim! O conteúdo do livro é completamente proveitoso e nos faz desenvolver os dons do Espírito. Seria ótimo que todos os cristãos adquirissem um exemplar. Lembre-se sempre: “Não tratem com desprezo as profecias, mas ponham à prova todas as coisas e fiquem com o que é bom.” (1 Tessalonicenses 5.20,21).



Quotes:

“O objetivo do discipulado genuíno deve ser fortalecer as pessoas a serem transformadas à imagem e semelhança do seu Criador.” (página 21)

“Se você deixar de confiar nas pessoas você não vai mais criar homens e mulheres capazes de transformar o mundo!” (página 56)

“Demônios não respondem a volume de voz; eles respondem a autoridade. Os demônios são aqueles que fazem estardalhaço quando saem, e não os ministros.” (página 68)

“A comparação de pecados – isto é, considerar um pecado mais grave que outro – é um exemplo deste ato de ‘fazer acepção’ e nos coloca na posição de juízes.” (página 106)

“Nós somos responsáveis em controlar os dons do Espírito que operam nas, e através das nossas vidas.” (página 127)

“Se nós somente orarmos por pessoas que estão limpas, como as pessoas que estão contaminadas (isto é, possuídas por espíritos malignos) ficarão bem?” (página 139)

“Muitas pessoas, frequentemente, são diagnosticadas como bipolares quando, na verdade, elas estão experimentando o dom do discernimento, mas ainda não foram treinadas para fazer o uso do ‘equipamento espiritual’ que receberam.” (página 178)

“A profecia libera a graça que cria dons que você jamais possuiu na sua vida.” (página 190)

“Nós devemos aceitar a disciplina de Deus que vem até nós por meio de agentes humanos.” (página 219)

“Quando um espírito maligno oprime uma pessoa ele, normalmente, provoca alguma enfermidade e/ou doença mental.” (página 231)


Se você já leu o livro, o que achou? Se ainda não tem o livro, está curiosa para tê-lo? Deixe um comentário!
Meu e-mail: abileneleite96@gmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS SUA VISITA! DEUS LHE ABENÇOE!