Garotas fãs de Cristo: O cristão pode participar de fã-clube?

O cristão pode participar de fã-clube?


Algumas meninas têm me perguntado sobre o que eu penso de um cristão participar e/ou ter um fã-clube para um cantor ou banda gospel. Por isso resolvi respondê-las por meio desta primeira postagem do ano. Não vou dar apenas a minha opinião, como vocês sabem, sempre baseio tudo o que escrevo no que a própria Escritura ensina. Então venha conferir mais um “Fala Jeová” daqueles que vocês, meus leitores, já estão acostumados!

Antes de tudo precisamos saber sobre o significado de alguns conceitos:

■ Fã: Indivíduo que tem e/ou manifesta grande admiração por uma pessoa ou algo. Abreviatura da palavra fanático.

■ Diva: Divindade feminina; deusa.

Como seres humanos, nós somos dotados de personalidade, e isso faz com que tenhamos gostos diferentes. Por isso digo que não há nenhum problema em admirar o trabalho de alguém, mas a admiração por alguém não pode passar a se tornar uma idolatria.

É comum falarmos que somos fãs de alguma coisa ou de alguém. Por exemplo, eu sempre digo que sou fã do cantor Wilian Nascimento (que até é o meu amigo) e fã da banda Oficina G3; porque acompanho e gosto muito do trabalho deles. E já fiz muitas amizades descobrindo que tínhamos esse ponto em comum de “curtir” o trabalho deles.

Entretanto, o que eu vejo na maioria dos fãs-clubes que se intitulam “gospel” é uma exagerada admiração ao artista, ao ponto de brigarem entre si e falarem mal um do outro. Com certeza você já deve ter ouvido falar de algumas confusões entre alinetes, brumzetes e valadetes; que são respectivamente fãs de Aline Barros, Fernanda Brum e Ana Paula Valadão.

Tenho conhecimento que uma cantora disse que não gosta de fã-clubes, pois isso chega a ser uma forma de idolatria a ela, e que por este motivo prefere que as pessoas que gostam do que ela faz se unissem em oração por seu ministério. Pronto! Aí surgiu um grupo de intercessores da fulana de tal. O problema que esse grupo parece mais um fã-clube do que um grupo de oração.

Já presenciei alguns cristãos chamando algumas cantoras de diva ou minha diva. Sinceramente acho isso um absurdo. No começo da postagem defini o conceito da palavra diva que exatamente quer dizer deusa. Será que é correto ficar chamando um artista de deus ou deusa? É óbvio que não!

Outro acontecimento que presenciei foi fãs de dois cantores adolescentes “gospel” que namoravam, dizendo se sentirem frustrados com as atitudes deles em um vídeo que vazou na internet, os quais falavam uma frase um pouco pesada e inadequada. Okay. O casal teve uma atitude errada e vierem em público pedir desculpas, mas era completamente desnecessária a confusão que se tornou nas redes sociais na época.

Dito tudo isso, vamos agora entender o que a Bíblia diz sobre essa questão:

“Não terás outros deuses além de mim. Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra, ou nas águas debaixo da terra. Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto,” (Êxodo 20.3,4,5a)

“Quando Pedro ia entrando na casa, Cornélio dirigiu-se a ele e prostrou-se aos seus pés, adorando-o. Mas Pedro o fez levantar-se, dizendo: ‘Levante-se, eu sou homem como você.’” (Atos 10.25,26)

“Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos – o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte.” (Apocalipse 21.8)

Existem várias outras passagens bíblicas que condenam a idolatria, porém acho que estas apresentadas acima já são mais do que suficientes.

Você pode até estar se perguntando o que tudo isso tem a ver com o fã-clube; então vou explicar: Querendo ou não, fã-clubes são uma forma de idolatria a cantores cristãos (mesmo aqueles que são camuflados de “grupo de intercessão”). Pois nesses grupos há uma exagerada admiração, ou seja, uma adoração a pessoas. E eu não estou sendo rigorosa quanto a isso. Vejamos... quantas de nós, às vezes, só vamos para uma determinada igreja porque o cantor que gostamos estará lá? Quantas de nós ficamos “loucas” parar tirar uma foto ou pegar um autógrafo? É, minha querida jovem, isso também é uma forma de idolatrar o cantor, pois ao invés de irmos à igreja para adorar ao Senhor, estamos lá somente por causa de outra pessoa. E uma coisa muito importante: Quantos fãs-clubes por aí têm rixas e briguinhas entre eles? Conheço vários... E a Palavra de Deus diz:

“Pois, onde há inveja e egoísmo, há também confusão e todo tipo de coisas más.” (Tiago 3.16)

“Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem; idolatria e feitiçaria; ódio, discórdia, ciúmes, ira, egoísmo, dissensões, facções e inveja; embriaguez, orgias e coisas semelhantes. Eu os advirto, como antes já os adverti: Aqueles que praticam essas coisas não herdarão o Reino de Deus.” (Gálatas 5.19-21)

Concluo dizendo que o cristão deve evitar participar e até mesmo criar um fã-clube para não cair no pecado da idolatria, de falar mal uns dos outros e até mesmo das brigas. E lembre-se sempre: Qualquer coisa que você coloca acima de Deus é um ídolo.


O que você acha sobre esse assunto? Concorda ou Discorda?
Meu e-mail: abileneleite96@gmail.com

12 comentários:

  1. Sabe o q eu acho? So quem é fã entende!!! Pq deixar d amar alguem eh mt dificil.. Eu jamais coloquei meu idolo acima d Deus,repito, JAMAIS!!! Sinceramente n vou deixar d amar o Luan... Mais ss vou me converter.... obg

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é errado admirar o trabalho e/ou ministério de uma pessoa, o errado é dizer que essa pessoa é um "ídolo". Quando você chama uma pessoa de ídolo ou deusa, já está colocando ele acima de Deus. Cuidado com isso! Cuidado com esse "amor" exagerado pelo cantor...

      Excluir
  2. Sou fã de uma Banda ,porém nunca coloquei eles a cima de Deus e nem colocarei,admiro o trabalho desta banda e amarei eles sempre, mas nunca acima de Deus

    ResponderExcluir
  3. Eu sou fã de um jogador de futebol e de um ator, mas JAMAIS coloco nenhuum deles acima de Deus e sou fã deles porque gosto deles e acho eles lindos enao muitoo pelo trabalho pq de futebol nao entendo nada... Mas nunca idolatro eles como se fossem Deus apenas os acompanho nas redes sociais, curto suas fotos e etc... Espero um dia conhece los pessoalmente mas NUNCA coloco eles acima de Deus , estou fazendo algo errado? :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nayara, não há nada de errado em querer conhecer as pessoas que você admira e acompanhá-los nas redes sociais. O importante é estar sempre vigiando, para que não caia no pecado da idolatria. Orai e Vigiai !

      Excluir
  4. Olá, eu sou cristã e tenho um fã clube para uma YouTuber, e não sei se é pecado. Mas porfavor me responda se você acha o mesmo que eu (ou então me fala o que você pensa), eu penso assim: eu tendo o fc, não me desliga (dizemos assim) da presença do Senhor, não... não faz com que eu me afaste da presença do Senhor. Entendeu? 💜

    ResponderExcluir
  5. Oii, eu sou evangelica e sou fã de um grupo Coreano, BTS, admiro muito o trabalho deles e os amo, é pecado??? tipo, eu amo eles como se fossem alguém proximo a mim, mas nunca deixo Deus de lado ele esta em primeiro lugar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achava que era a única Army que lia esse blog... hahaha

      Excluir
    2. Ela já respondeu uma pergunta semelhante a sua. Não tem nada de errado em amar os meninos, só não exagere nesse amor. Deus sempre em primeiro lugar.

      Excluir
    3. ACHEI UMA ARMY AQUI😍😍😍


      EU AMO O BTS, MUITO MESMO, TENHO FOTOS DELES POR TUDO E ADMIRO A PERSONALIDADE DOS INTEGRANTES!!

      MAS ELES NUNCA FICARAM A CIMA DE DEUS EM MINHA VIDA 😊😊

      FAÇO PARTE DO FANDOM E POR INCRÍVEL Q PAREÇA SER FÃ DELES ME AJUDA 😂😂...Tipo a ter mais sonhos e acreditar em mim mesma.😊

      Excluir
    4. Ahhhh outra Army!! ♡♡
      Também tenho um monte de fotos deles hahaha, amo demais esses meninos. :3
      Ahh isso é ótimo! Também me sinto assim, eles também tem me ajudado muito.

      Excluir

AGRADECEMOS SUA VISITA! DEUS LHE ABENÇOE!