Garotas fãs de Cristo: Julho 2013

O caráter de Cristo

        “Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também.” (Jo 13.15).
        A Bíblia afirma que o Senhor Jesus Cristo despiu-se de sua gloria e revestiu-se de toda natureza humana, mas sem pecado. Como homem, o Mestre foi irrepreensível. Era submisso, manso, humilde, amoroso, entre tantas outras qualidades. Se caráter é o padrão que todos os crentes devem seguir.
        O Sermão do Monte nos apresenta os principais aspectos do caráter cristão. Nele, aprendemos não somente a ética e a moral do Reino dos céus, mas a essência do caráter de Cristo.
        Jesus foi modesto em toda a sua maneira de viver. Ele demonstrou sua humildade ao despojar-se de sua glória. A humildade é um aspecto do caráter imprescindível a todos os crentes, pois os humildes sempre alcançam o favor de Deus. Nosso Senhor Jesus Cristo também, sempre foi manso e benigno de coração.
        O Senhor Jesus ordenou aos seus discípulos que priorizassem a cima de todas as coisas, o Reino de Deus e a sua justiça. Em um mundo perverso, onde as pessoas estão mais preocupadas em acumular riquezas do que socorrer ao aflito e necessitado, o verdadeiro crente deve refletir o caráter de Cristo através de uma vida de santidade e retidão.
        Jesus foi misericordioso com os homens em suas fraquezas e privações. Lembremos, pois, que a misericórdia é um mandamento divino, e que a Bíblia condena a indiferença para com os pobres. Sejamos misericordiosos assim como Jesus nos ensinou na Parábola do Samaritano. Nas Escrituras, o coração representa a personalidade, o centro das emoções humanas. Por isso, na Bíblia afirma que o Senhor perscruta os corações e conhece o interior de cada pessoas.
Quando Cristo repreendeu os fariseus, mostrou-lhes como a pureza interior era necessária. Ele os acusou “de serem semelhantes aos ‘‘ sepulcros caiados “.  O Senhor, que conhece os nossos pensamentos e as motivações de nossas ações cotidianas, manifestará em seu santo e justo julgamento casa uma de nossas ações.
        As palavras, os atos, enfim, a pessoa de Jesus é o modelo ideal de conduta para a identidade do crente. O discípulo de Cristo deve revestir-se das qualidades santas e justas de seu Mestre, com a intenção de cumprir o propósito de Deus.



Andar com Jesus



Agora o mais importante é que vocês vivam de acordo com o evangelho de Cristo. - Filipenses 1:27a

Paulo estava preso quando deixou esse conselho em sua carta aos Filipenses. Ele não tinha como estar com eles, mas sabia que o essencial era que eles estivessem verdadeiramente com Cristo.

Mas o que significa estar verdadeiramente com Cristo?

É muito mais que ir todos os domingos ao culto, ou simplesmente fazer alguma coisa para Deus.

É ter intimidade com Ele.

É muito mais do que ouvir somente músicas com o selo gospel e manter amizades exclusivamente com as pessoas da igreja.

É sair da bolha, ir ao mundo e pregar o evangelho a toda criatura. (Marcos 16:15)

É obedecer. É deixar Deus fazer parte da sua vida. Torná-lo o seu Pai de verdade.

É parar de criar guerrinha com aqueles que chamamos de mundanos e começar a orar por eles. Aprender a amá-los.

Mas é ainda mais que tudo isso que eu citei aí em cima. É se negar todos os dias. É rejeitar o que te satisfaz, se você sabe que isso desagrada a Deus.

É sair do conforto, da acomodação. É querer aprender cada vez mais sobre a Palavra. É escutar a voz do Espírito Santo e deixar que ela te guie até o centro da vontade de Deus.

”Se você está à procura de uma religião que o deixe confortável, definitivamente eu não lhe aconselharia o cristianismo”. (C. S. Lewis) 


E tem muito mais. Provavelmente eu não listei nem metade do que é ter realmente uma vida com Cristo...

Qual é a Sua vontade? - Contos



- Senhor Jesus, muitos cristãos falam para fazer a Sua vontade. Mas qual é a Sua vontade meu Senhor? Fale para mim, pois eu não sei qual é. Me mostre o caminho.

- Meu querido filho a minha vontade é que você seja santo como Eu Sou. ( Levítico 19.2; 20.26)

- Mas Senhor como vou ser santo neste mundo impuro? Preciso que me ajudes.

Davi, um homem segundo o coração de Deus

                             “Achei a Davi, meu servo: com o meu santo óleo o ungi” (Sl 89.20)
      No tempo determinado, o Senhor ordenou a Samuel que fosse á casa de Jessé, o belemita, ungir um novo rei. Aparentemente, o critério seria o mesmo utilizado na escolha de Saul: o candidato teria de ser o mais belo, mais alto e mais elegante jovem da região.
     Tendo isso em mente, Samuel estava certo de que o escolhido do Senhor era Eliabe, o filho mais velho de Jessé. Por sua vez, o próprio Jessé, não tinha dúvida de que Abinadabe seria o eleito, ou quem sabe Samá... Ambos estavam enganados!
      “Porque o Senhor não vê como vê o homem. Pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração.” O Altíssimo não se preocupa com a aparência externa do homem, mas observa seu caráter impoluto, irrepreensível e santo. Por isso escolhera o pequeno Davi.
      É um desastre quando não se utiliza critérios bíblicos na separação de uma pessoa para o santo ministério. O que tinha Davi de especial para que Deus lhe dispensasse tanta estima e consideração? As características de seu caráter revelam que ele era um homem que ama a Deus acima de todas as coisas, e nEle cria de todo o coração.
      Davi nunca se queixou do laborioso e solidário pastoreio das ovelhas de seu pai. Ungido rei não hesitou em voltar ao seu trabalho habitual. Servia ao pai prazerosamente com o que sabia e mais gostava de fazer: estar com as ovelhas. Davi tinha o coração de servo! Deus mesmo chamou-o de servo.
       É imprescindível a todo cristão avaliar o modo como serve a Cristo. Você o tem servido de todo coração? Jesus é o maior exemplo de servo humilde e obediente.
      Davi também era um homem humilde e reconhecedor de suas limitações. Apenas de ser um soldado inigualável, um comandante corajoso, um rei exemplar, sempre atribui todas as suas vitórias ao Senhor dos Exércitos. Quanto mais o homem se aproxima da bondade, santidade e grandeza do Altíssimo, mais consciente se tornam de seus pecados, mazelas e misérias.  
      Davi dependia do Senhor em todos os momentos e circunstâncias da vida. Seu maior desejo era conhecer os caminhos de Deus, e para isso, punha-se sob sua direção em tudo que fazia. Jeová era seu maior precioso tesouro.
     Davi, o homem segundo o coração de Deus, conhecia ao Senhor pelo fato de andar em sua presença. Ele, assim como o patriarca Jó, conhecia o Senhor por experiência própria e não porque ouviu falar dEle.  Isso fez a diferença na vida do salmista e, com certeza, fará também na vida daquele que anda com Deus nos dias atuais. Para ser um homem ou uma mulher segundo o coração do Altíssimo é necessário conhecê-lo  e viver intimamente com Ele, obedecendo-o em tudo.

Piloto automático


Um carro, navio ou avião no piloto automático é guiado sozinho. Não tem uma alma viva controlando e direcionando o percurso.

Uma vida no piloto automático não tem sentido ou propósito. Ela pode estar ali respirando, comendo, andando, trabalhando... Mas no fundo as coisas acontecem sem motivo algum. Faz as mesmas coisas todo dia porque está acostumado a fazer, mas não tem motivação ou inspiração.

Não se tem mais um sonho ou conquista em mente. A pessoa simplesmente cumpre a sua rotina, como se fosse um robô.

Isso tudo pode começar quando a pessoa tem muitas coisas a fazer. Quer dar conta de tudo, mas como não consegue se dedicar da melhor maneira a todas as coisas, começa a fazê-las automaticamente.

Até o que dá prazer. Até o que mais importa nesse mundo: o tempo com Deus. Você reserva um tempinho pífio para Ele e acha que não tem problema. Mas tem.

Deus não nos fez máquinas por um motivo. Ele deu sentido e propósito a nossas vidas. Jesus nos fez livres! Por que trocar isso?

Deixar a vida seguir o rumo, sozinha, é perder o controle dela e tirá-la das mãos de Deus. É negar o presente lindo que Jesus nos deixou: o Espírito Santo. Ele sim deve servir como o guia de nossas vidas.

Quando você sentir que está vivendo de uma maneira truncada e sem graça, desacelere um pouco. Volte ao que te faz feliz. Volte a ter tempo com Deus. Volte a dar sentido a sua vida!

Porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de Deus. - Romanos 8:14

Namoro cristão, qual a sua visão?

1-De uma forma geral, o que é esperar? Deus se importa com nossos relacionamentos?
Esperar é escolher entre a sua vontade e a vontade de Deus. É saber que a decisão mais importante da sua vida é entrega-la para Jesus e a segunda decisão mais importante é a de escolher o seu cônjuge, aquela pessoa com que você passará o resto da sua vida. E Deus se interessa por isso, foi Ele que criou "relacionamentos", primeiramente o dele com Adão e depois Adão com Eva. Deus tem um propósito em todas as áreas de nossa vida e na área sentimental não é diferente, Ele quer dar o melhor, Ele nos conhece melhor do que nós mesmos e quer mostrar como as coisas acontecem corretamente quando confiamos nele e dizemos não aos padrões distorcidos do mundo.

2- Se guardar até o casamento é uma maneira certa de cultivar um relacionamento? E “ficar” é algo que agrada a Deus? Será que uma pessoa pode ficar com milhares de pessoas e ainda ser capaz de viver sem nenhuma mancha de relacionamentos frustrados?
A Bíblia é clara em afirmar: Fujam da imoralidade sexual! Qualquer outro pecado que alguém comete não afeta o corpo, mas a pessoa que comete a imoralidade sexual peca contra o seu próprio corpo (I Coríntios 6:18). Ou seja, a prática do sexo antes do casamento é condenado diante de Deus. É algo que foge totalmente da aprovação de Deus e que afeta o corpo: Será que vocês não sabem que o corpo de vocês é o templo do Espirito Santo que vive em vocês e lhes foi dado por Deus? Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus, pois Ele os comprou e pagou o preço. Portanto, usem o seu corpo para a gloria dele(I Coríntios 6:19-20).

Nesse mesmo versículo podemos refletir, a Bíblia relata claramente que se um casal chegar nos "finalmente" antes do casamento é pecado, mas e as outras coisas que antecede o ato, não é também? Será que quanto eu deixo de ser um "vaso" e passo a me tratar e a tratar outras pessoas como algo descartável não estou errando também? Façamos TUDO para a glória de Deus. E também cada relacionamento frustrado que você tem, vai levando um pedaço de você, vai fazendo você desacreditar no amor e ter a busca intensiva pelos desejos da carne (leia Tito 2:12).

 Colunista : Renaly Alves s2

O semeador, a semente e os solos

Jesus contou frequentemente, por parábolas, histórias sobre os acontecimentos do dia-a-dia que ele usava para ilustrar verdades espirituais. Uma das mais importantes destas parábolas é aquela registrada em Mateus 13: 1-23, Marcos 4: 1-20 e Lucas 8: 4-15.
       Esta história fala de um fazendeiro que lançou sementes em vários lugares com diferentes resultados, dependendo do tipo do solo. A importância desta parábola é salientada por Jesus em Marcos 4: 13: “Não entendeis está parábola e como compreendereis todas as parábolas?”.
        Jesus está dizendo que esta parábola é fundamental para o entendimento das outras. Esta é uma das três únicas parábolas registradas em mais do que dois evangelhos, e também é uma das únicas que Jesus explicou especificamente. Precisamos meditar cuidadosamente nesta história.
       A história em si é simples: “Eis que o semeador saiu a semear. E, ao semear, uma parte caiu abeira do caminho; foi pisada, e as aves do céu a comeram. Outra caiu sobre a pedra; e, tendo crescido, secou por falta de umidade. Outra caiu no meio dos espinhos; e, estes, ao crescerem com ela, sufocaram. Outra, afinal, caiu em boa terra; cresceu e produziu a cento por um.” (Lucas 8: 5-8).
       A explicação também é fácil de entender: “ A semente é a palavra de Deus. A que caiu á beira do caminho são os que ouviram; vem, a seguir, o diabo e arrebata-lhes do coração a palavra, para não suceder que, crendo, sejam salvos. A que caiu sobre a pedra são os que, ouvindo a palavra, a recebem com alegria; estes não tem raiz, creem apenas por algum tempo e, na hora da provação, se desviam. A que caiu entre espinhos são os que ouviram e, no decorrer dos dias, foram sufocados com os cuidados, riquezas e deleites da vida; os seus frutos não chegam a amadurecer. A que caiu na boa terra são os que, tendo ouvido de bom e reto coração retêm a palavra; estes frutificam com perseverança” (Lucas 8: 11-15).
      Alguém ensina as escrituras a várias pessoas; a resposta dessas pessoas depende do estado do coração delas, isto é, de sua atitude.

Consideremos o semeador, a semente e o solo. 

Desfazendo sementes que dão prejuízos

   
     Jamais elas deverão ser plantadas por nós, que venham apodrecerem o mais rápido possível para que jamais produzam em nossas vidas.
     Sementes da carne Gálatas 5.19,20, 21 – Prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, etc.
      Estas são algumas sementes que jamais deveremos plantar, deve estar em nossa lembrança que a colheita é muito superior ao plantio. Não se esqueça daquilo que o homem planta certamente ceifará. Vamos pedir ajuda ao Espírito Santo para que venhamos selecionar e plantar somente sementes boas, pois o dia da colheita chegará e não há ninguém que nos livrará dela.
     Se semearmos sementes da carne colheremos MORTE, se semearmos sementes do Espírito colheremos VIDA. 
     Vamos ver algumas sementes que deveremos plantar com oração para que venham produzir em abundancia, pois creio que seremos bem aventurados se assim suceder em nossas vidas.  Sementes do espírito Gálatas 5.22 – caridades, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
      Que estas sementes sejam férteis em nossas vidas e venham produzir em abundancia com a ajuda do Espírito santo de Deus.  Há um ditado que diz; quem planta vento colhe tempestade. Segundo estudos o primeiro livro da bíblia a ser escrito foi o de Jô, e no cap 34.11 está registrado: Porque, segundo a obra do homem, ele lhe paga, e faz que cada um ache segundo o seu caminho.
     Ai está amado, registrado no livro mais antigo, que o homem tem recebido de Deus segundo a sua obra, segundo aquilo que ele tem plantado. Muitas vezes um planta e muitos colhem. Adão, o primeiro homem plantou a semente da rebeldia, desobedeceu a Deus, e toda a humanidade tem colhido a morte física, e com ela muita dor e sofrimento.
    Falta nos espaços para falarmos detalhadamente do sofrimento de milhões de pessoas em todo mundo, devido sementes ruins que foram plantadas e agora chegou o tempo da colheita.
     1 Samuel 16.7 – Porem o Senhor olha para o coração. (para aquilo que você tem pensado). Não há quem não peque diante de Deus, quantos pensamentos malignos tem passado por nossas mentes e Deus conhece a todos e nos retribui segundo cada um deles. Neste momento Deus está olhando para o seu pensamento e haverá recompensa para sua vida, a partir deste momento vamos policiar melhor o nosso pensamento.
     Quando buscamos a Deus ele se faz presente em nossas vidas, mas quando nós o deixamos ele também rejeita e muitas vezes para sempre. Deus é soberano e quer tratar com você e abençoa-lo segundo as suas necessidades.

Meus joelhos pertencem ao chão



Meus joelhos se sentem bem quando estão no chão. Minha alma se alegra quando eles estão lá. É o lugar mais seguro que eu já estive em toda a minha vida.

Se eles estão lá, é porque toda a preguiça, cansaço, preocupação e afobação foram deixadas de lado e as coisas do alto se tornaram o foco.

Quando os meus joelhos encontram o chão, eu parto para o meu encontro com Deus. Me desligo um pouquinho desse mundo chato e estressante. Vou para um lugar bem mais interessante para mim e para o meu coração.

Em dias cheios de pressão como estes, isso é realmente tudo o que eu preciso. É tão fácil perder a paciência e se irritar com tanta bobagem. Mas eu prefiro dar um stop nisso aí e repor as minhas energias. Com os joelhos no chão.

Não existe melhor lugar no mundo do que esse. Parece que nada de ruim pode me acontecer. Parece que nem eu mesma posso me prejudicar.

É o meu lugar preferido.

Minha mente parece ser a minha maior inimiga. Parece que está sempre tramando contra mim. Mas quando meus joelhos encontram o chão, ela perde. Ela tem que se calar, e até começa a operar em meu favor. Nem ela resiste a presença de Deus.

Meus joelhos no chão me transportam para o lugar mais lindo desse mundo: para perto de Deus. E desse lugar eu nunca vou me cansar!

Mantendo comunhão com o Espírito

    
 O ser humano traz em sua natureza uma forte inclinação para o pecado. Trata-se de uma tremenda força maligna impossível de ser superada sem ajuda divina.
   É justamente por isso que Deus nos enviou seu Espírito para habitar em nós, dando-nos a condição de andarmos em novidade de vida. Somente pelo Espírito Eterno, o crente pode caminhar seguro, resistindo aos desejos da carne.
     Em Gálatas 5, o apóstolo Paulo enumera várias obras da carne que contaminam o caráter do homem sem Cristo (Gálatas 5.19-21) . Todavia nesse mesmo capítulo, encontramos um conjunto de valores espirituais que garante a saúde moral do crente.
       A Bíblia sagrada é a única regra de fé e prática do cristão. Ela nos apresenta o padrão de comportamento necessário ao homem que deseja viver uma vida justa, sóbria e piedosa neste mundo.
     Ao longo da narrativa bíblica deparamos-nos com uma série de valores e virtudes morais e espirituais estabelecidas por Deus para o homem. Estas qualidades indispensáveis ao ser humano, só foram plenamente identificadas e vividas em Jesus.
     Hoje sabemos que essas santas virtudes estão ao alcance de todos, por meio da extraordinária obra do Espírito. É imprescindível ao homem conhecer muito bem as Escrituras e o poder de Deus para que não erre na busca de uma vida virtuosa diante de Deus e do próximo.
      A oração e o jejum, apesar de serem armas espirituais poderosas, são também instrumentos que auxiliam na disciplina do caráter cristão. O jejum pode exemplo, é um sacrifico que agrada a Deus e promove disciplina ao crente. Portanto, o homem pode e deve pedir a Deus que auxilie durante o tempo em que busca virtudes espirituais, éticas e morais expostas na Palavra de Deus.

       Quando uma pessoa aceita a Cristo como salvador de sua alma experimenta, imediatamente, uma profunda modificação em seu interior. Essa mudança é demonstrada não apenas nos relacionamentos, mas também nas escolhas, atitudes e responsabilidades, assumidas durante a sua nova vida. 

Tudo o que importa

Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso espírito, para que possais discernir qual é a vontade de Deus, o que é bom, o que lhe agrada e o que é perfeito.  Romanos 12:2


Você já sentiu feia e desengonçada? Que não se encaixava em algum lugar, que as pessoas não te apreciavam ou que você não atendia a algum tipo de padrão?

Se você respondeu sim a pelo menos uma das perguntas, saiba que estamos no mesmo barco. Já perdi algum tempo brigando com o espelho, dando importância a comentários maldosos de pessoas que mal me conheciam e me preocupando por não me encaixar em determinado contexto.

Só que conforme o tempo foi passando, meu relacionamento com Deus se estruturando e a maturidade chegando, eu entendi que nada disso importa. Eu não sou a garota mais bonita e provavelmente nunca vou me encaixar em algum padrão que o mundo estabeleceu, mas no final das contas está tudo bem!

Por que eu vou querer ser do molde de um mundo que não é meu? Nós pertencemos a Jesus, e  pertencemos a outro mundo. O que é tido como apropriado por aqui, pode não ter nada a ver com a palavra de Deus.

Eu sei que parece fácil na hora em que falamos (ou escrevemos), e que na prática é outra história. Mas vamos pensar um pouquinho: Deus ama você. O soberano de todo o mundo quer você. Te fez filha ao sacrificar o próprio filho em uma cruz. Jesus morreu por amor a você. Como não se sentir especial?

Além disso, você é única em todo o universo. Não existe outra você. O Senhor te fez de um jeitinho que ninguém mais tem. Por isso, se valorize. Aprecie tudo o que Deus te deu e colocou em você. Não interessa o que digam e pensem por aí, você é linda e importante!

Não se preocupe com bobagens que são essenciais para o mundo. Que tal gastar mais tempo com a obra de Deus, usando os dons que Ele te deu para o reino e aperfeiçoando o seu relacionamento com o Senhor? Garanto que o seu tempo será muito produtivo!

Não se conforme e nem se molde de acordo com o mundo, mas tente seguir o padrão perfeito estabelecido por Jesus!

Deixo essa musiquinha para que vocês reflitam sobre o que conversamos hoje (tradução aqui):