Garotas fãs de Cristo: “Beijar na boca nunca mais!”, como assim?

“Beijar na boca nunca mais!”, como assim?


            Postei no facebook recentemente a seguinte frase: “Beijar na boca nunca mais... Beijar só depois que noivar!”, e que gerou certa polêmica; era assunto não só na rede social, mas que gerou assunto na igreja e também na escola (a coordenadora estava falando sobre isso também, sobre as últimas atualizações dos alunos e citou a minha). E nada mais justo do que esclarecer o motivo a qual postei esta linda frase e ensinar a vocês o que venho aprendendo ultimamente...


            No dia 31.01.13 fiz uma “mini-viagem” para o Rio de Janeiro (na verdade fui um dia antes desta data) para poder ir ao Culto das Princesas ministrada pela Pastora Sarah Sheeva na ICI em Copacabana. Eu já tinha há muito tempo este desejo no coração de participar e receber mais de Deus. Ainda mais por causa de muitas reviravoltas em minha vida e o meu afastamento de Deus que me resultou em muitas decepções. E uma das coisas que a pastora falou foi sobre o beijo na boca.

            Se eu soubesse da “furada” que é beijar na boca nunca teria entrado nessa “onda”. Como assim? Depois de cair no “papinho” de um rapaz, eu simplesmente “fiquei” com ele por muitas vezes, pois ele me dizia que me amava. Fiz besteira né?! Confesso e me arrependo disso, mas só estou escrevendo isso para alertar para que vocês não caiam nessa. Só que sempre quando falava em compromisso (já que eu tinha a consciência de estar fazendo a coisa errada), o tal rapaz fugia. E só aí percebi que ele não queria nada sério comigo e só queria mesmo “curtir” o momento. Sofri muito com isso, a dor de uma defraudação emocional é enorme; e como minha amiga disse para mim: “Troquei o certo pelo duvidoso!”.

            Voltando ao assunto do beijo, quero alertá-las como o beijo na boca faz com que você se prenda emocionalmente a uma pessoa. Como uma irmã mais velha apenas venho aconselhar para que não sofram com decisões erradas assim como sofri. Não vale a pena “ficar”, não vale a pena sair beijando sem ter um compromisso. Quando digo em beijar na boca, estou falando em beijo de língua. E é impossível alguém beijar e não sentir nada; se a pessoa não sente nada, leve ela para o hospital porque isso não é nada normal. O beijo de língua é exclusivo para casados, e apenas liberado ao firmar o compromisso de noivado. Cuidado! Beijo de língua não prolongando, pois se for longo pode levá-los ao pecado da fornicação.

            Mesmo não tendo experimentado o beijo de língua (sou BVL, ô glória!), sei que minha desobediência a Deus me custou um alto preço. Mesmo você dando um selinho (num rapaz que não tem compromisso contigo, isto é, “ficando”), você está entrando em uma grande armadilha do Diabo. Sabe quando vem uma menina dizendo que não esquece o tal rapaz, que não tira ele dos pensamentos, mesmo que ele não a tenha tratado com o devido respeito (tratado como princesa)? Pode ter certeza que essa menina beijou o rapaz (selinho ou de língua – não importa) e pior pode até mesmo ter transado com o rapaz. Sabe por que essa menina não esquece? Porque ela se apegou ao rapaz através do beijo.

            Qual o problema de “ficar”? É que você se entrega de corpo e alma para alguém que não a valoriza – pois se a valorizasse não pediria para “ficar”. O beijo faz a gente parar de orar; a gente não se sente confortável – principalmente se você sabe que é pecado – para falar com Deus, a gente meio que se esconde dEle (como se isso fosse possível né?). “Mas ele falou que quer um compromisso comigo Abilene, então por que não posso ‘ficar’ com ele?”. Minha linda, TODOS falam isso, falam que amam, mas quer saber se ele ama mesmo? Mande-o esperar! Na Bíblia diz que Jacó esperou sete anos por Rebeca (Gn 29.20); prova de amor é saber esperar. E, aliás, se você “fica” com ele, além de parar de orar para ver se realmente ele é o rapaz certo para você, fica muito mais difícil de discernir a voz do Espírito Santo. O beijo nos faz gostar da pessoa antes de obtermos a resposta de Deus, e ao invés de orarmos para o Senhor pedindo orientação oramos pedindo para que o tal rapaz seja a pessoa certa de qualquer jeito (“Senhor, eu quero o fulano para mim”).

            “Mas eu estou namorando, eu posso beijar?”. Se você está namorando e tem consciência que essa é a pessoa que Deus escolheu para você casar e viver por toda a sua vida, saiba que beijar também pode ser perigoso. Aconselho que o “selinho” seja apenas liberado depois de um bom tempo de namoro, com a supervisão dos pais e dos líderes e nada de estar com seu namorado sozinhos, não adianta falar que sabe se controlar, porque quando o desejo vem a coisa não vai ficar legal. Aconselho também que o beijo de língua só seja dado após o compromisso de noivado, mas como eu disse antes, nada muito prolongado para não acender as faíscas e caírem em pecado. O beijo de língua prolongado só pode ser dado quando estiverem casados, porque aí sim que vocês já se tornaram uma só carne podem suprir os desejos um do outro quando aquela vontade vier.

            Se você já namora, saiba que pode ainda estabelecer estes limites em seu namorado, até porque eu não quero ver você sofrendo por causa de uma desobediência a Deus por ter ido longe demais com o seu namorado (não estou falando só de sexo, mas também do quase sexo, isto é, tocar nas partes íntimas, descobrir o corpo um do outro).

            Querida, não se faça de desentendida depois que leu toda essa postagem. Deus está falando com você. E para seguir a Ele você precisa renunciar todos os dias os desejos carnais. Renuncie também o beijo, viva uma vida santa, uma vida agradar ao Senhor e não a você mesma e ao seu namorado (quem sabe “ficante”, e isso está amarrado em nome de Jesus – largue essa vida de sair “ficando”). “Por isso digo: Vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne. Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam. Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos. Se vivem pelo Espírito, andemos também elo Espírito.” (Gl 5.16,17,24,25).

Gostou? Deixe um comentário!
meu twitter / meu facebook / meu e-mail: abileneleite96@gmail.com
Mil beijinhos, e até a próxima!

20 comentários:

  1. Pô, Abilene. Mais um conselho furado. Sinto lhe informar, mas essa Sarah Sheeva é mais uma falsa profeta. Fez o que bem quis na vida e agora paga de santa. Quanta hipocrisia. O próprio Jesus disse "beijem-se com ósculos de amor", ou seja, beijo. Na bíblia não diz que não pode beijar. Isso é interpretação pessoal de cada um. E beijar necessariamente não gera compromisso afetivo. Talvez a menina queira só curtir também. Qual o problema nisso? Não se pode mais ser feliz amando? Demonstrando carinho? Tem gente que tem desejo só de pensar. Outros têm desejo ao abraçar. E vcs não proíbem a pessoa de abraçar ou de ter pensamentos. Deixem as pessoas se amarem em paz. Deus nos deu a alma colada ao nosso corpo. Alma e carne só se separam quando morremos. Portanto, deixem a alma e o corpo em paz. Seria muito mais honesto da sua parte dar dicas de métodos anticoncepcionais, educação sexual, etc, do que ficar impedindo as pessoas de se amarem de CORPO e ALMA. Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Jackeline Monteiro: Obrigada querida! *---*

    Ateu Ignorante: Olá querido, não estou aqui para julgar o que a pastora diz ou deixa de dizer, afinal a própria Bíblia diz para não julgar e também nos alerta sobre o que qualquer pessoa falar, para avaliarmos e reter o que é bom (1 Ts 5.20,21). Só venho a defender da seguinte forma, pois você fez um pré-julgamento não só dela mas com as pessoas que não nasceram no meio evangélico, e só depois conheceram a Verdade. A Pastora não conhecia a Cristo, assim como muitas pessoas vivem assim e depois se converteram e mudaram completamente de vida. Estou dizendo isso, porque até o apóstolo Paulo era assim. Antes ele perseguia os cristãos, mas depois que conheceu a Verdade dedicou e entregou a sua vida nas mãos de Jesus.
    Em nenhum momento eu disse que o beijo é pecado (só se torna se a pessoa não tem um compromisso - o famoso "ficar").E se a menina não queria um compromisso, ela pecou. O beijo traz de alguma forma um laço afetivo sim, pois se a pessoa não está em compromisso (namoro, côrte) com a outra, por quê então beijar? E se ela está em compromisso, nada melhor do que não dar lugar a carne. Como cristãos, não devemos dar lugar a nossa carne (que é corrupta), pois estaremos pecando contra Deus. Não beijar (de língua, apenas selinho no namorado ou mesmo nem selinho) é uma das práticas associadas a castidade, ligada ao compromisso com a pessoa certa (côrte). A côrte é diferente do namoro, pois é um relacionamento em santidade, para que a pessoa não caia em fornicação (que é um pecado). Demonstrar carinho quando se está em compromisso, tudo bem, você tem o selinho pra isso, mas só o selinho, nada de beijo de língua, pois isso acende o fogo sexual e ambos não podem suprir tais desejos pois estariam pecando e deixar a pessoa com qualquer tipo de desejo que você sabe que não pode suprir é uma defraudação, e isto também é condenado por Deus para o seu povo (1 Ts 4.6).
    A maioria das meninas que frequentam o blog são solteiras e outras já tem namorado, e eu não irei dar dicas de métodos anticoncepcionais, porque sexo antes do casamento é pecado.
    Não estamos impedindo as pessoas de amarem, só que amor não é o que se passa na TV, na verdade é o que está escrito em 1 Coríntios 13 (capítulo do amor). Estamos apenas aconselhando, pois uma coisa pode levar a pessoa a cometer outra. Pois agora pode ser um beijo, noutro dia um toque, e já no outro uma transa. E aí, que sexo antes do casamento não é o plano de Deus, é um pecado.

    ResponderExcluir
  3. Em nenhum momento eu disse que o beijo é pecado
    - Então por que diz pra não beijar?

    só se torna se a pessoa não tem um compromisso - o famoso "ficar"
    - Então namorados podem beijar.
    - E a bíblia não diz que ficar é pecado. Invenção sua. Interpretação pessoal da bíblia (isso sim é pecado).

    Se a menina não queria um compromisso, ela pecou.
    - Que versículo confirma esta afirmação?

    O beijo traz de alguma forma um laço afetivo sim
    - Não necessariamente. Em algumas culturas, como na Rússia, pessoas se cumprimentam beijando. Pode ser questão de educação.

    se a pessoa não está em compromisso (namoro, côrte) com a outra, por quê então beijar?
    - Porque é gostoso, oras!

    E se ela está em compromisso, nada melhor do que não dar lugar a carne.
    - Por que não?

    Como cristãos, não devemos dar lugar a nossa carne (que é corrupta)
    - Só a carne dos cristãos é corrupta então. A minha carne não é. Ela só obedece o que minha mente ordena.

    Não beijar é uma das práticas associadas a castidade
    - Vale muito mais a castidade da alma, a pureza de espírito, no sentido de ser uma boa pessoa e fazer o bem, do que um simples hímen no meio das pernas.

    A côrte é diferente do namoro
    - A bíblia não fala uma única vez em namoro. Por que? Porque naquele tempo, os homens simplesmente tomavam as mulheres como esposas. Por "tomaram" leia-se "transavam". O namoro por amor é algo relativamente novo na sociedade. É uma espécie de estágio para o casamento. E se o sexo faz parte do casamento, também deve fazer parte do namoro.

    para que a pessoa não caia em fornicação (que é um pecado)
    - Fornicar é transar. E transar é coito, não importa se antes ou depois de casar, o ato é o mesmo.

    só o selinho, nada de beijo de língua, pois isso acende o fogo sexual
    - Não necessariamente. Já beijei de língua várias vezes e não acendeu fogo nenhum. Só é gostoso. Pra acender o fogo, depende da pessoa, da hora, do lugar, do clima. Não é automático assim: beijou de língua -> pegou fogo.

    deixar a pessoa com qualquer tipo de desejo que você sabe que não pode suprir é uma defraudação
    - Bom, se o desejo da pessoa for transar, melhor ainda oras. Que transem. O próprio deus nos deu o desejo sexual e nos impede de supri-lo. Estaria deus nos defraudando?

    sexo antes do casamento é pecado.
    - O que Jesus disse sobre isso? NADA! E pra quem namora, não faz sexo. Faz amor. Quem já fez as duas coisas sabe bem a diferença entre um e outro.

    amor não é o que se passa na TV
    - Os maiores filósofos e poetas do mundo já descreveram o amor. O amor é algo indescritível. Apenas se sente e pronto e ninguém pode ousar dizer o que é sem senti-lo.

    na verdade é o que está escrito em 1 Coríntios 13 (capítulo do amor).
    - O capítulo do amor na bíblia não é esse. É Cânticos. Como Paulo de Tarso, um eunuco celibatário, pode saber o que é o amor se nunca o sentiu? Já o autor de Cânticos o escreveu para sua esposa mais amada. Esse sim um genuíno poema de amor. Inclusive descrevendo bem o sexo. Tá na bíblia!

    Estamos apenas aconselhando, pois uma coisa pode levar a pessoa a cometer outra.
    - Carne vermelha pode dar câncer. Açúcar pode dar diabetes. Até excesso de água e de oxigênio podem matar. Tudo é questão de manter o equilíbrio. Ninguém vive fazendo sexo o dia inteiro, o tempo todo. E como você é uma pecadora, pois também peca, segundo 1 João 1:8, e quem faz amor antes de casar, na sua opinião, também peca, então não há diferença alguma entre uma celibatária que comete outros pecados e uma pessoa que faz amor e não comete outros pecados. No fim das contas, todos pecam.

    Pois agora pode ser um beijo, noutro dia um toque, e já no outro uma transa.
    - É assim que um relacionamento evolui, à medida em que as pessoas vão se conhecendo e adquirindo confiança mútua. Coisa linda de deus!

    ResponderExcluir
  4. E aí, que sexo antes do casamento não é o plano de Deus, é um pecado.
    - Se vc também peca, não deveria ficar falando dos pecados dos outros. Adão e Eva não se casaram. E se é direto entre a pessoa e deus, logo, não precisamos de padre/pastor me autorizar em uma missa/culto a transar ou de um documento oficial pagão pra me considerar casado. Se as pessoas se amam, se resolveram dividir o amor em comum, se fazem amor e se respeitam, já podem se considerar casadas de corpo e alma. deus quer que nos amemos! E casar hoje em dia não é mais tão fácil como antigamente. Depende de muitos fatores financeiros. Antes era só juntar as escovas de dente. Hj em dia tá muito mais difícil. Imagine uma pessoa com 40 anos que ainda não casou e tendo que ser virgem só pra não achar que está pecando? Essa pessoa deixou de viver uma das melhores dádivas divinas: o prazer de amar e de fazer amor!

    ResponderExcluir
  5. Respostas ao "Ateu Ignorante":

    1. Beijar não é pecado. Mas como eu disse, o beijo (de língua aos que namoram) podem levar a um outro tipo de desejo. Digo para não beijar (de língua), porque a Bíblia diz para fujir dos desejos da mocidade (2 Tm 2.22).

    2. Como disse, evitar beijar (de língua) é para evitar coisas ruins no futuro. Sobre o "ficar" acho interessante ler o meu artigo sobre isso: http://garotasfasdecristo.blogspot.com.br/2012/09/eu-nao-sou-lanchinho.html.

    3. É um jugo desigual (2 Co 6.14-16a).

    4. Se a pessoa não tem compromisso ela está pecando. Deus quer que sejamos santos!

    5. A carne é corrupta sempre, mas quem é cristão não pode viver de acordo com a carne e sim de acordo com o Espírito.

    6. Não! A pureza da alma e do corpo devem estar sempre juntos.

    7. O sexo não faz parte do namoro. Leia: http://garotasfasdecristo.blogspot.com.br/2012/08/era-uma-vez-minha-primeira-vez.html.

    8. Deus não defrauda ninguém, Ele nos deu o desejo para ser suprido após o casamento.

    9. Você mesmo disse que fornicar é transar; transar antes de casamento é um pecado.

    10. O capítulo do amor é sim 1 Coríntios 13, se informe mais que você saberá. O livro romântico é Cantares de Salomão. Capítulo e livro são diferentes né. Paulo já sentiu amor, provavelmente já foi casado (antes de se converter ele era casado), mas nada se sabe de sua ex-esposa (se ela morreu ou ele se divorciou bem antes de conhecer a Verdade). E depois por a Cristo, dedicou integralmente a fazer a obra dEle.

    11. Comer e beber em excesso faz mal, isso é glutonaria. “Guardai-vos para não suceder que os vossos corações fiquem pesados com o excesso de comer e no beber [glutonaria] e com os cuidados desta vida” (Lc 21.34a).

    12. Todos são pecadores! "Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus" (Rm 3.23). Mas "se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça" (1 Jo 1.9).

    13. Adão e Eva se casaram com a permissão de Deus (e não precisavam da permissão de pais humanos, pois não tinham). Se a pessoa não se casar com a permissão de Deus, com a permissão dos pais, diante de Deus e diante dos homens está cometendo pecado, pois está roubando as primícias de Deus. O casamento deve ser um ato para glorificar a Deus também.

    14. Se a pessoa tem 40 anos e é virgem, feliz é ela. Pois pode aproveitar esse tempo para se dedicar a obra de Deus. Essa pessoa não perdeu e sim ganhou muito de Deus. A prioridade na vida do cristão é Deus e fazer a Sua vontade, e não é fazer sexo.

    ResponderExcluir
  6. 1. Não só beijo de lingua pode levar a outro tipo de desejo. Abraço pode. Dançar pode. Ver a pessoa se despir pode. Dependendo do jeito que fala ao telefone pode. Até pensamento pode. Vão proibir ou colocar regra em tudo agora é? E beijo de lingua não é só coisa de mocidade não. Se a pessoa tem 40 anos e ainda não se casou, ela não pode beijar de lingua? Lembrando que carne vermelha pode dar cancer. Açucar pode dar diabetes. Nem por isso a gente deixa de comer essas coisas.

    2. Sobre ficar, se for de comum acordo, não vejo problema. Sua analogia ao lanchinho foi ruim. Se não é lanchinho, é o que? A refeição principal? Por que associa pessoas a comida? Beijo de lingua não faz com que coisas ruins aconteçam no futuro. Pelo contrário. Só faz bem! E é muito gostoso. Vc nunca beijou de lingua? Se não beijou, não pode falar como é.

    3. Jugo desigual não existe. 1 Corintios 7:14 fala que o cristão que se relaciona com uma pessoa descrente a santifica. Pessoas de crenças diferentes podem e devem conviver junto. A diversidade cultural é importante. Pessoas não são como água e óleo. Só porque tem alguns gostos diferentes, não significa que são incompatíveis.

    4. A bíblia não diz que falta de compromisso é pecado, ainda mais se for de comum acordo. E santo ninguém é, segundo 1 João 1:8, já que todos pecam.

    5. E se meu espírito quer fazer amor? A minha carne não é corrupta. Só se for a sua. Corrupção é crime!

    6. Pureza não pode ser resumida a um cabaço. Ser puro é não fazer o mal, não desejar o mal. O amor é puro. Fazer amor é praticar a pureza!

    7. Como vc pode dizer que o sexo não faz parte do namoro, se vc nunca fez pra saber? Todos os meus amigos que namoram, fazem amor numa boa.

    8. Se quem dá o desejo e não permite saciar, defrauda, então deus, q nos deu desejos carnais e não nos permite saciá-los antes de casar, nos defrauda sim! E muito!

    9. Sim, eu disse que fornicar é transar. E se fornicar é transar, quem transa mesmo depois de casado, fornica! Eu não transo. Eu faço amor. Quem já fez as duas coisas sabe bem a diferença!

    10. 1 Corintios 13 fala de amor fraternal, entre pessoas. Amor de Eros "entre um casal", com conotação erótica (sexual), é Cânticos.

    11. Se Comer e beber em excesso faz mal, é glutonaria, então gordos são pecadores. Pq vc não faz campanha pros gordos fazerem dieta e não pecarem mais ao invés de se preocupar com a vida sexual das pessoas?

    12. Então basta continuar pecando e se arrependendo, pecando e se arrependendo? Um dia eu me arrependo então. Até lá, vou fazer como vc, continuar pecando.

    13. "Se a pessoa não se casar com a permissão de Deus, com a permissão dos pais..." E quem é órfão? Aonde tá na bíblia que quem não se casa também diante dos homens, comete pecado?

    14. "Se a pessoa tem 40 anos e é virgem, feliz é ela." EU RI ALTO!!! KKKKK
    "A prioridade na vida do cristão é Deus e fazer a Sua vontade, e não é fazer sexo."
    - Que vida vazia. Então deus nos põe no mundo com a prioridade de ficar puxando o saco dele o tempo todo sem nem poder dar uma transadinha de vez em quando? Que deus carente de bajuladores! A prioridade da vida é a reprodução, pois se não houvesse reprodução, a vida acabaria. Logo, o sexo é sim uma das prioridades dos seres vivos, biologicamente falando, até porque é a única forma de perpetuar as espécies.

    ResponderExcluir
  7. 1. Concordo quando diz que não é só o beijo de língua que pode levar isso. O abraço de acordo com a côrte também não é aceito. Dançar (colado) só se for casado. Se a pessoa tem 40 anos e não se casou e está em compromisso, aconselho, assim como aconselhei no post a não beijar de língua.

    2. O grande problema de "ficar" é por ser algo sem compromisso, mesmo se for de comum acordo. Pois é algo sem a permissão de Deus.

    3. Jugo desigual existe sim. E não é só sobre o cristão namorar com alguém que não é; o jugo desigual é também quando a pessoa namora por namorar e não tem intenção de casar, etc. O que Paulo descreve em sua carta é que se alguém casou em jugo desigual não venha a se divorciar (porque Deus odeia o divórcio), e aí sim Deus irá mudar o coração da pessoa através desse cristão.

    4. O pecado na falta de compromisso é porque é algo que está fora da permissão dEle.

    5. Uma pessoa não cristã não tem o espírito (o Espírito Santo). A alma é corrupta (enganosa, desesperadamente enganosa - Jr 17.9).

    6. Pureza não é só isso, mas também é isso. Sexo não é pecado (quando está dentro do casamento).

    7. Porque a Bíblia diz isso. E o cristão não pode ser igual a todo mundo.

    8. Deus nos deu desejos, para desfrutar. Agora, desejos carnais, não; este veio com a entrada do pecado ao mundo.

    9. Não, porque o sexo dentro do casamento não é pecado, é algo estabelecido por Deus para reprodução da espécie e como forma de amor e carinho entre o casal.

    10. Mas o casal também deve ter este amor fraternal entre eles (Amor de eros) e também o amor ágape.

    11. Quem come exageradamente está pecando, porque nosso corpo é templo do Espírito e precisamos cuidar dele (um aspecto da mordomia cristã). Agora, existem pessoas que geneticamente nasce um pouco mais fortezinhas e isso não quer dizer que a pessoa come muitoooo; e por isso não é pecado.

    12. Não! O arrependimento é saber que pecou, pedir perdão a Deus e deixar de cometer esse pecado.

    13. E se a pessoa é orfã, precisa apenas da permissão de Deus (e no caso da permissão do pais do seu companheiro; mas se este for órfão também, apenas da permissão de Deus). Até porque Adão e Eva não tinham pais (humanos).

    14. Sexo não deve estar em primeiro lugar da lista de prioridades. E se for solteiro, sexo nem precisa estar nessa lista. Fomos criados para adorar a Deus e ser amigos dEle.

    ResponderExcluir
  8. Abilene, sou cristão,mas sou fã das ideias do Ateu Ignorante ateh sigo ele no twitter. Tudo o que vc escreve são coisas que v aprendeu na sua igreja. Vc ja parou pra pensar como foi q as primeiras pessoas que divulgaram Deus e Jesus ( as pessoas da biblia) aprenderam sobre Deus? Que tal se vc comecar a sentir Deus da sua forma ao invez de dizer coisas q vc aprendeu? Pq se for assim, seguindo seu raciocinio e tratando tudo como pecado, se vc tivesse nascido de uma familia islamica, vc seria seguidora de Maome, nao tem como ser de outra forma. Agora se vc sentir Deus, atraves de Jesus, e o amor q ele pode proporcionar indepente desse monte de regra biblica, eu tenho certeza q vc vai conseguir sentir Deus ou qq outra coisa parecida. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu comentário. As coisas que escrevo aqui são realmente coisas que aprendi, mas que aprendi com meu relacionamento com Deus. Não vejo problema algum em uma pessoa estabelecer esse limite e até recomendo na postagem para as pessoas fazerem isso, mas não trato o beijo na boca como um pecado; o que escrevi é apenas uma recomendação, algo que muitos chamam de "corte" (lê-se côrte).

      Mesmo assim, obrigada pela dica! Um grande abraço.

      Excluir
  9. Achei interessante gostei . Concordo acho que os adolescentes ; as crianças e jovens tem que se valorizarem mais . Hoje no séc 22 as pessoas estão beijando por beijar sem sentimentos ; só por curtição . As pessoas casam por casar sem amor para não ficarem sozinhas e outras pelo bens materias .Os jovens só pensam em festas e SEXO o tempo todo ; pois muitos namoram e engravidão sua namorada e acabam não casando com ela . Eu sou a favor de ESPERAR A PESSOA ESPECIAL DEPOIS CASAR COM ELE(A) E SEXO DEPOIS DE CASADO .Por isso que o mundo esta perdido cade o AMOR das pessoas ; morreu por isso que tem muitas pessoas que preferem ficar sozinhas. Eu apoio sexo depois do casamento ; namorar por namorar não é comigo por isso que eu estou sozinha sou freira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou da postagem! *---* Você tem toda razão, as pessoas só querem beijar por beijar, e isso não é certo. Uma coisa te digo: é melhor ficar sozinha agora do que estar junto com a pessoa errada!

      Excluir
  10. Eu concordo com a Abilene, mas para não ter textos muito grandes vou falar uma coisa, que acho certo e que sempremvou apoiar: conhecer, se apaixonar, orar, pedir para Deus fazer a vontade dEle, pedir também que se não for a vontade dEle para que o garoto saia da sua mente, se for a vontade de Deus é para namorar( só com beijinho, ou seja selinhonna boca), casar, e ter filhos( antes de casar não fazer amor, só depois) e ser feliz. E se não for a vontade dEle é para orar. Hoje em dia poucas pessoas tem esse pensamento.

    Bjs
    July

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. July, é isso aí. Fico feliz de encontrar pessoas assim com esse pensamento igual ao seu.
      Beijinhos.

      Excluir
  11. Fui criada na igreja e muito do que vc falou foi exatamente o que me ensinaram, mas depois que comecei a pensar por mim mesma, e parar de seguir coisas que me eram obrigadas a seguir, percebi que o que realmente importa não é o que as pessoas falam, e sim o que eu sinto que é o certo.
    Se eu quiser beijar alguém e essa pessoa corresponder a isso, eu vou beijar e vou ficar feliz por ter feito isso, já beijei muito, já tive namorados e não acho que eu teria sido mais feliz ou menos triste se não tivesse tido as experiencias que eu tive, pois até as decepções amorosas que tive me fizeram quem sou hj, e sou feliz por ser assim, não me sinto alienada como me sentia na igreja, mas ainda assim muita coisa do que sou hoje devo aos 18 anos que tive na igreja, tudo é questão de pegar para si aquilo que me é conveniente e correto ao meu ver.
    Sou adepta da passagem "tudo me é licito, mas nem tudo me convém - 1 Cor 6:12" Sendo assim, o que me convem, eu posso. :)

    Beijos de Luz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito do que a gente vive fica como experiências pra gente passar para as outras pessoas. Querida, apenas digo uma coisa, você pode sim ser de uma igreja cristã e não ser "alienada"; digo isso por experiência própria. Deus quer ver você sendo usada também dentro da casa dEle. Procure a igreja mais próxima da Bíblia e congregue por lá. Não deixe de frequentar uma igreja e estar em comunhão por causa de experiências ruins com a igreja que você teve no passado!

      Um grande abraço! =D

      Excluir
  12. Não beijar na boca do seu namorado(a) não te faz um cristão(a). Na bíblia não fala dessa proibição e também não fala de aceitação portanto isso vai do ponto de vista de cada um, desde que beijar não leve a algum pecado ele será válido, falo isso por mim mesmo sem distorção da bíblia, pois isso seria "pecado maior" do que beijar na boca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A postagem em nenhum momento disse que beijar na boca é pecado enquanto estiver na fase do namoro. O que eu disse é que o beijo na boca na fase do namoro pode ser evitado se ambos quiserem impor esse limite; e que eu acho mais recomendável isso, para evitar acender aquele fogo!

      Excluir
  13. Oi Abilene! O homem deveria ter mais o compromisso de tratar a mulher como um ser puro e com honra. Infelizmente existem pouquíssimos.
    (uns 4% se eu fosse chutar, que enchergam alguma pureza na mulher).
    (menos de 0.01% que realmente levam a sério).
    Como resolver isso??? Boa pergunta :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patrick, concordo contigo. E posso te dizer que existem pouquíssimos também dentro das igrejas, infelizmente. Não há como resolver 100% esse problema, mas há coisas que podemos fazer em relação a isso. Por exemplo, ter estudos e palestras para os rapazes da igreja sobre o assunto, e ensinando-os a como tratar uma mulher. Ter estudos e palestras também para as mulheres, ensinando-as como se comportar e se dar o respeito. É assim que a Bíblia recomenda:

      "Ensine os homens mais velhos a serem sóbrios, dignos de respeito, sensatos, e sadios na fé, no amor e na perseverança. Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom. Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a amarem seus maridos e seus filhos,
      a serem prudentes e puras, a estarem ocupadas em casa, e a serem bondosas e sujeitas a seus próprios maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada. Da mesma maneira, encoraje os jovens a serem prudentes." (Tito 2.2-6)

      Excluir

AGRADECEMOS SUA VISITA! DEUS LHE ABENÇOE!