Garotas fãs de Cristo: Gruda como "chiclete".

Gruda como "chiclete".


            Sabe aquelas músicas “chicletes”, aquelas músicas mundanas que não saem da nossa cabeça? Então, é delas que vamos falar no post de hoje.





            Às vezes cantamos músicas mundanas sem querer ou por força de hábito. Saiba que Deus não se agrada nada, nada de ouvir você cantando esses tipos de músicas... Deus quer adoradores que adorem a Ele em espírito e em verdade (Jo 4.23). Mas será que a mesma boca que adora ao Senhor nos cultos de domingo pode sair esses tipos de músicas? Infelizmente é o que vem acontecendo no meio cristão atualmente, e que não deveria ocorrer.  Não existe meio termo, ou se é do mundo ou se é de Deus (Mt 5.37)!

            “Ah, mas não tem nada a ver isso...”, você pode estar pensando agora. Será mesmo que não tem nada a ver? Jesus nos disse que a boca fala do que o coração está cheio (Mt 12.34). E aí, com o que você tem enchido o seu coração: com as coisas de Deus ou com as coisas do mundo? Se liga, essa história de que não tem nada a ver é o que o Inimigo quer que você pense. Quando você canta essas músicas está desagradando a Deus, está entristecendo Ele.

            Estou escrevendo de acordo com tudo o que a Bíblia diz, deu pra perceber que em cada ponto que falo eu escrevo algum versículo pra você ir lá e constatar. Agora vamos analisar algumas letras das músicas da atualidade:

            1) “Nossa, nossa, assim você me mata; ai se eu te pego; ai, ai, se eu te pego; delícia, delícia, assim você me mata; ai se eu te pego; ai, ai se eu te pego”. Pare e leia de novo o refrão da música do Michel Teló (mas é pra ler e não pra cantar!). A música ao todo fala sobre um rapaz que estava na balada e de repente passou uma moça linda perto dele, e daí vem a fala do rapaz que é o refrão da música. Sério, será que vocês princesas do Senhor devem se rebaixar a esse ponto? Primeiro que vocês são princesas e não devem ser chamadas de “delícia”, vocês são um prato saboroso pra ser chamadas de delícia e gostosa? Vocês são princesas e devem ser tratadas como tal. Segundo, Deus nos criou para sermos amadas e não “pegas”. Saia dessa de querer “ficar” com um rapaz, de ser “pega” por ele. Você é princesa e merece um príncipe e não um sapo!

            2) “Ai, ai! Ai ai ai ai! Assim você mata o papai, Ai, ai! Ai ai! Que boca gostosa eu quero mais”. Novamente nesta música se repete a história do “ficar”, de beijar alguém que só conheceu naquele momento... Triste é saber que muitas meninas deixam ser tratadas como objetos. É isso que exatamente essa música retrata.

            3) “Eu quero tchu, eu quero tcha, Eu quero tchu, tcha, tcha tchu tchu, tcha”. O “tchu, tcha” nada mais é (como a própria música diz) uma dança sensual que está explodindo pelos quatro cantos do Brasil. Aí você deve estar perguntando: “Mas não tem nada a ver, cantar e dançar, é super legal e não tem nada demais”. Querida, pare e pense, o que isso está te edificando? Você quer o “tchu, tcha, tcha” ou você quer o mais de Deus na sua vida?

            4) “Tchê tcherere tchê tchê, tcherere tchê tchê, tcherere tchê tchê, tchereretchê, tchê, tchê, tchê, Gustavo Lima e você”. Esse é o cúmulo ouvir cristão cantar... Essa música tem todo o apelo sexual envolvido (todas as que citei tem), mas esta, fico sem palavras... Basicamente a música fala de uma menina que poderá ir na balada com o Gustavo Lima e depois da festa vai rolar sexo. Isso mesmo... SEXO! Até no vídeo se você já parou para analisar, o cantor faz gestos obscenos no refrão desta música, indicando uma forma vulgar que o “Tchê tcherere tchê tchê” significa nada mais do que fazer sexo. Na outra parte da música ainda diz que ele vai “pegá-la” pra depois namorar e curtir (namorar no caso não é ter um comprometimento de um relacionamento perante Deus, pelo contrário, é só pra dizer que aquela é oficial e tratá-la como um objeto sexual).

            5) “Vou te esperar, na minha humilde residência, pra gente fazer amor, mas eu te peço só um pouquinho de paciência, a cama tá quebrada e não tem cobertor”. As músicas do Michel Teló, na maioria das vezes, tem apelo sexual envolvido. Em uma parte da música diz “tô louco pra te pegar”, de novo e de novo o mesmo assunto, a posição das mulheres na sociedade está sendo assim: Os rapazes “pegam”, e se envolvem com aquelas moças e depois descartam e fazem a fila andar. As mulheres, na maioria das vezes, se entregam de corpo e alma no relacionamento e se frustram quando aquele rapaz que dizia que a amava terminou tudo e arranjou outra. Queridas, foi Deus quem criou o sexo, mas sexo é só depois do casamento. Não somos o suficiente maduras, tanto fisicamente quanto emocionalmente, espere no tempo dEle que é o melhor para nós. Somos princesas e devemos nos comportar como tais, diga não ao “ficar”, diga não ao sexo fora do casamento. Escolha esperar!
            Para finalizar, só quero dizer que antes de você queira cantar, dançar e ouvir músicas mundanas pense no que Deus quer na sua vida, analise a letra da música... Sabe porque elas “grudam como chiclete”? Pois elas têm refrão fácil e repetitivo, o mundo sabe muito bem como a nossa mente trabalha, as músicas contêm refrão fácil, brincam com jogos de palavras e em algumas escondem significados extremamente absurdos... Sabe porque é difícil memorizar uma música evangélica? Pois elas são cânticos, são melodias de louvor à Deus, declaram o quanto amamos ao nosso Pai e é por isso que é tão difícil memorizar.
Você é o que você ouve! E aí, você tem sido uma verdadeira adoradora?



O que achou deste post? Deixe um comentário!
Meu twitter: @AbileneLeite.
Meu facebook: Abilene Leite.
Tem dúvidas sobre este e outros assuntos e/ou precisa de conselhos? Envie-me um e-mail: abileneleite96@gmail.com

3 comentários:

  1. Muito bom ler sobre isso .. é bastante edificante . Para quem não sabe ou finge não saber é um grande alerta ! ^^ .. Deus abençoe a cada dia mais esse blog ! bejin ! ^^

    Thamy do ~> http://ligadasemcristo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Thamy Angel: Que bom minha flor, infelizmente tem gente que não liga para isso. Mas que o Senhor toque no coração delas.

    Jackeline: Obrigada querida!

    ResponderExcluir

AGRADECEMOS SUA VISITA! DEUS LHE ABENÇOE!